Rinite pode virar Asma?

29 de jul de 2016

A rinite Alérgica é uma alergia respiratória, atingindo em média 30% da população mundial.
Os sintomas de rinite são: coriza, coceira, espirros e nariz entupido. Esses sintomas aparecem com freqüência nos olhos, nariz e garganta.
A Rinite pode levar a complicações maiores como infecção nos ouvidos, roncos noturnos, sinusites, respiração bucal e alteração na posição dos dentes que ficam para frente.

Atualmente, afirma-se que a rinite alérgica e a asma caminham juntas.
A Rinite e a asma vem de um processo inflamatório na mucosa (uma camada de pele que reveste os órgãos por dentro), que atinge a parte nasal e as vias aéreas inferiores.
O Aria (projeto desenvolvido em colaboração com a OMS-Organização Mundial de Saúde) diz que 70% dos asmáticos podem apresentar sintomas de rinite alérgica, e de 30% a 50% dos riníticos desenvolvem sintomas de asma. O que é decisivo para que o paciente tenha asma e rinite é a hereditariedade.

Nas casas onde há asmáticos e riníticos, recomenda-se um ambiente limpo e arejado, que não haja fumante e que o “alérgico” não faça a automedicação e busque sempre orientações médicas para o tratamento.

Design by Freepik

Design by Freepik

Principais desencadeantes da Asma e da Rinite Alérgica

  • Alérgenos (poeira, mofo, epitélio de animais) e fatores irritantes
  • Ansiedade (fatores emocionais)
  • Doença do refluxo gastroesofágico
  • Infecções virais ou dos seios da face
  • Medicações ou alimentos

Algumas substâncias não alergênicas também desencadeiam asma porque agravam a rinite alérgica. Estas substâncias, chamadas irritantes, podem provocar a asma, como fumaça de cigarro, produtos químicos no ar, pinturas ou vernizes, poeira de carvão, de pó de giz.

O cuidado é sempre importante, mas é preciso um diagnóstico preciso para os tratamentos adequados, se atente aos sintomas e não deixe de procurar um médico!

Beijos,