Alimentação durante a gestação

12 de set de 2013

Preciso confessar que essa é uma das partes mais difíceis com relação a gestação. Na gravidez do Vítor, eu fiz acompanhamento com a nutricionista, mas acabava comendo o que tinha vontade. Claro que a gente sempre preocupa se fará mal e evita algumas coisas, mas em geral comia de tudo.

Tive sorte de não engordar muito (11kg) mesmo não me preocupando com o que estava comendo.

Dessa vez é um pouco diferente, pois eu já estava 2kg acima do que eu gostaria – e do que eu pesava antes de engravidar do Vítor – então precisaria mesmo me cuidar mais. Só que tenho sentido vontades incontroláveis de comer doce, muito doce e isso tem me preocupado.

alimentação na gestaçãoUma coisa que estou tendo nesta gestação e não tive na do Vítor é a indisposição, falta de apetite e leve enjoo. Por isso, acabei passando um pouco da fase dos doces e me policio para comer alguma coisa.

Eu tento comer pratos mais saudáveis e por conta do Vítor acabo sempre conseguindo, pois gosto que ele me veja comer coisas que fazem bem a saúde.  Eu ainda não me pesei, acho que por puro medo da balança. Medo de ver que realmente estou passando dos limites e que preciso me controlar melhor.

Aquela história de que gestante não pode passar vontade e a eterna desculpa de “ah, tô grávida, posso comer!” é o que mais dificulta as coisas. Parece brincadeira, mas a gente sempre ouviu isso, não foi? Que teria que comer por dois e tantas outras coisas.

Hoje sei que não é bem assim, que precisamos ter uma alimentação bem mais saudável e controlada, mas confesso que nem sempre consigo.

E vocês, como fazem?

Beijos,