Comparação entre os filhos

15 de jun de 2015

Que mãe que nunca ouviu (ou falou) algo do tipo:

– Meu filho andou com 10 meses!

– O meu falou com 6 meses!

– Ah, isso é nada, o meu tirou a fralda com 1 ano!

– Meu filho sabe contar até 10 e só tem 1 ano e meio!

– Sabem o que minha filha sabe fazer? Pular de um pé só, acreditam?

Por que os pais tem essa eterna necessidade que querer que os filhos sejam mais do que o dos outros? Por que essa busca incansável para ver quem é o melhor nisso ou naquilo?

Cada criança tem seu ritmo de desenvolvimento e ficar comparando com outras não agrega em nada, pelo contrário. Vai sempre haver alguma criança que não conseguirá fazer algo, porque simplesmente ainda não chegou a hora dela fazer, mas ao ser comparada gerará um estresse desnecessário aos pais. Imagina você achando que seu filho não está fazendo algo que deveria fazer?

Claro que a gente quer sempre ter aquele sentimento de orgulho dos nossos filhos, os vendo fazer coisas incríveis, mas é preciso muita cautela. Não dá para exigirmos demais dos nossos pequenos querendo que eles façam algo que ainda não estão maduros para fazer ou então querer que os nosso sejam melhores que os dos outros.

Todos temos algum dom e com isso teremos mais facilidade em uma coisa ou outra. Não é necessário que forçar que eles façam isso ou aquilo. No tempo certo eles farão. Não os cobre tanto, não se cobre tanto!! Cada criança tem seu ritmo e devemos respeitar isso!

Beijos,