Como saber se meu filho quer mamar?

21 de mar de 2016

Esta é uma das grandes dúvidas das mães de bebês! Quando nossos filhos nascem, eles não vem com manual, mesmo porque cada um é de um jeito e só o tempo que nos ensinará a entender o que eles querem dizer com cada choro. Sim, bebês choram diferente para coisas diferentes. Vocês já devem ter ouvido falar na livre demanda, né? Que é dar o peito sempre que o bebê quiser. Regrar as mamadas em horas definidas não é legal, pois como já disse, cada bebê é de um jeito e poderá sentir fome mais ou menos vezes.

Como então saber se é hora dele mamar? Dou o peito todas as vezes que ele chorar?

3

Não. O que é preciso é observar! Claro que no começo não será fácil, mas logo vocês entenderão se o bebê está chorando de fome ou com algum outro incômodo. É importante lembrar que o bebê nunca negará o peito, mesmo que esteja sem fome, pois é o lugar mais seguro e agradável para ele. Por isso, se o bebê de vocês mamou tem pouco tempo e começou a dar sinais de que algo incomoda, antes de dar o peito, verifiquem se pode ser fralda suja, frio ou calor, cólica, sono ou qualquer outra coisa. Caso vocês não percebam nada, dê então o peito. E não se preocupem: bebês não fazem greve de fome, eles vão chorar sem parar até serem saciados!

A livre demanda é super importante para o seu bebê e logo ele entrará em um ritmo próprio e você já terá ideia de quanto em quanto tempo ele vai pedir para mamar. Por isso que é necessário observar sempre seu comportamento para entender o que aquele choro quer dizer.

Agora você pode estar aí pensando: poxa, então terei que ficar a disposição do meu bebê para ele mamar sempre que tiver vontade? A resposta é sim! Mas não se esqueça que este é um período muito curto, pois em breve ele dará espaços maiores entre uma mamada e outra e a partir dos 6 meses irá começar com a introdução alimentar. Você vai precisar parar um pouco seu mundo, pois ele será todo tomado por seu filho. Mas essa é só uma das coisas que a gente precisa abrir mão por eles.

E quer saber? Vale muito a pena! A gente cansa, dorme mal, pensa que toda aquela confusão inicial não irá acabar nunca mais e de repente percebe que eles cresceram e já não precisam mais tanto de nós assim!

Beijos