Manual para o novo pai sobreviver a sua esposa

26 de fev de 2014

Manual para o novo pai sobreviver a sua esposa

1. Se você está atrasado para chegar em casa, não espere o último minuto para avisar. Assim que souber que irá demorar, ligue e avise!

2 . Quando chegar em casa, já entre e vá ver se sua esposa precisa de ajuda. Não é hora de parar na casa do vizinho para papear ou entrar direto no banho.

3 . Se disponha a ficar com o bebê para que esposa tenha um descanso, nem que seja para tomar um banho ou comer algo com mais calma. Mesmo você chegando em casa cansado, não esqueça que sua esposa também está exausta.

4 . Não pergunte o que tem para jantar. Abra a geladeira, veja uma opção. Cuidar de bebês é extremamente cansativo e provavelmente sua esposa não terá tempo de preparar nada diferente.

5. Quando for preparar algo para você comer, faça para ela também.

6 . Não fique dizendo o quão difícil e cansativo foi seu dia. Muito menos insinue que o dela foi melhor que o seu. Recém mães estão em estado de erupção o tempo todo e dizer – ou dar a entender – que elas não tiveram trabalho algum durante o dia pode ser uma verdadeira catástrofe! Lembre-se que são elas que passam a noite em claro cuidando do bebê e já amanhecem cansadas.

7 .  Nunca diga que você está de babá do seu filho. Ambos os pais tem responsabilidade de cuidar, educar e criar os filhos, isso não é só obrigação da mãe. Você não está sendo babá, você está sendo pai.

8 . Não minta para sua esposa e comece a ajudar nas coisas de casa, mesmo que você não saiba fazer nada. Às vezes limpar uma mesa ou lavar a louça pode fazer uma diferença enorme no humor das novas mães.

9 . Seja compreensivo, mesmo quando pensar que é exagero de sua esposa. Você nunca terá a noção exata do quão difícil é ter um bebê recém nascido em casa para uma mãe. As mudanças físicas não são nada perto das emocionais.

10. Sua função agora é muito importante. Não só como pai, mas como marido também. O início é cansativo, você terá que aprender a exercer mais papéis do que está acostumado. Mas não se preocupe, logo tudo entra no lugar de novo.

Beijos,