Os bebês e os animais

09 de ago de 2012

Esses dias lendo a Revista Crescer, vi um artigo sobre bebês e animais, onde dizia que é uma boa combinação, pois faz bem aos bebês terem contato com bichinhos. Fiquei super feliz, porque além de amar animais eu tenho o Dinho, um cachorro.

Quando estava grávida eu escrevi sobre o abandono dos animais que muitas mães acabam comentendo, alegando vários motivos, como não conseguir dar conta, medo do cachorro morder o filho, etc. Na época eu não sabia qual seria minha reação (a de abandono com certeza não seria) quando o Vítor nascesse e pro isso que hoje estou escrevendo novamente sobre o assunto.

Enquanto estava grávida, fui contando para o Dinho que o Vítor chegaria. Mostrava os móveis, as coisinhas dele, roupinhas e tudo mais. Quando cheguei do hospital com o pequeno no colo, o Dinho ficou todo animado querendo vê-lo. Eu deixei ele olhar, mas um pouco de longe. Nesses primeiros dias, onde o Vítor estava, o Dinho estava junto.

Conforme o Vítor foi ficando maior, comecei a aproximá-los mais e o Dinho passou a me ajudar a cuidar dele. Sempre que ele chora, lá vem o Dinho para me avisar ou pra tentar acalmá-lo. Uma graça!

Vítor ama o Dinho e minha maior preocupação é que ele ama também os pelos dele, o que faz com que ele puxe e claro, deve doer, né??

Sobre o cuidado com o Dinho, no começo eu realmente me afastei um pouco dele e meu marido que cuidou de tudo, inclusive do carinho e brincadeiras. Hoje eu já pego ele no colo de novo (no começo não pegava, porque não queria me sujar e depois pegar o Vítor), brinco com a bolinha, coloco ração e água. A única coisa que não faço mais é sair para passear com ele, porque aqui ondo moro é tudo montanha e não rola sair para passear com o Vítor no carrinho e ele na coleira – lembrando que antes do Vítor nascer eu morava em outra cidade que não era montanha e por isso saia muito com o Dinho.

Conclusão: dá para continuar com o animal de estimação numa boa depois que o bebê nasce. É preciso ter um pouco de paciência no começo, mas depois tudo volta ao normal.

Tenho certeza que ele serão muito amigos, pois já são mega unidos!!

Beijos,