Ser mãe é pesado demais às vezes

30 de mar de 2017

Ela não sabia mais quem ela era e nem o que queria fazer da vida. Parecia que tudo estava perfeitamente no lugar que ela sempre desejou: casada e com filhos, mas algo faltava.

Além dessa falta constante, ela não entendia porque ser mãe não estava mais realizando-a tanto e porque agora sua paciência se acabava tão depressa.

“Poxa, eu sempre fui tão paciente, sempre soube o que fazer. O que está acontecendo agora?”era o que pensava o tempo todo. O sentimento era como se ela tivesse “perdido a mão” da maternidade. Seus filhos estavam constantemente a desafiando e tudo estava muito, muito difícil.

Ela realmente não sabia mais o que fazer.

Design by Pixabay

Design by Pixabay

Vocês devem estar imaginando quem era essa mãe, tão perdida, né? Pois é, ela sou eu! Ou era eu há alguns meses. Eu realmente não sabia mais o que fazer para melhorar meu relacionamento com as crianças e decidi ir conversar com a Clarissa Yakiara, uma psicóloga que conheci e que admiro muito o trabalho dela. Inclusive já até fiz um curso dela.

Conversando eu percebi que não era o fim do mundo e sim uma nova fase com meus filhos que eu estava vivendo. Ela me pediu para assistir novamente as aulas do curso e percebi que muitos de seus ensinamentos eu já não lembrava mais. Conforme fui assistindo as coisas foram fazendo sentido e tudo foi melhorando.

Hoje ela me contou que na segunda, dia 03/04/2017, começará um Workshop GRATUITO sobre a importância da comunicação entre mãe e filhos para um relacionamento melhor e mais tranquilo. Claro que eu vou fazer, porque conhecimento nunca é demais, né?

Aí quis vim convidar vocês, que também se sentem perdidas, estressadas, nervosas (ou tudo isso junto!) quando se trata de ser mãe. É possível ser mãe sem toda essa carga pesada que carregamos!

Para participar do Workshop, se inscrevam por esse link aqui embaixo:

WORKSHOP COMUNICAÇÃO ENTRE MÃE E FILHO

Tenho certeza que irá agregar muito para mim e espero que para vocês também! Não podia deixar de compartilhar!

Beijos,