Sinais do trabalho de parto

17 de mar de 2014

Agora que estou com 38 semanas e 3 dias de gestação e nunca passei por um trabalho de parto, vivo me perguntando “como vou saber que estou em um?”. Mesmo todo mundo falando que eu vou saber, que é diferente de tudo, a gente fica na dúvida, né? Então resolvi pesquisar e colocar aqui alguns dos sinais mais frequentes de que o trabalho de parto está próximo!

Sinais do trabalho de parto

  1. Contrações regulares e que vão se intensificando: por volta de 25 semanas de gestação, muitas mulheres começam a sentir contrações, porém são contrações de Braxton-Hicks, mais conhecidas como contrações de treinamento. Elas são indolores e sem ritmo algum. As do trabalho de parto são doloridas (e aumenta conforme o trabalho de parto evolui) e tem um ritmo, de 20 em 20 minutos, 10 em 10 minutos, até ficarem aproximadamente a cada 3 minutos e a mulher estar em trabalho de parto ativo.
  2. Rompimento da bolsa: apesar de não ser regra, a grande maioria das mulheres entram em trabalho de parto após o rompimento da bolsa (quando a água escorre pelas pernas). Ela pode vazar também e ficar só pingando, mas não estourar de uma vez. Caso isso ocorra (tanto o rompimento total como só gotejando), é necessário avisar o médico para que ele acompanhe a evolução.
  3. Perda do tampão mucoso: esse tampão é como se fosse um corrimento, mas bem gosmento – com variações de cor do branco ao marrom – e pode vim com rajadas de sangue. Ele pode sair de uma vez só ou aos poucos. Apesar de indicar que o parto se aproxima, ele pode sair até 15 dias antes.
  4. Bebê encaixa na pelve: quando o bebê encaixa na pelve a barriga abaixa e a gestante costuma ter uma melhora para respirar e também na azia, além de conseguir se alimentar melhor. O bebê pode se encaixar muito antes do parto, como durante o trabalho de parto.
  5. Aumento da secreção vaginal: quando o parto está se aproximando, costuma aumentar a secreção vaginal, devido ao encaixe do bebê na pelve.
  6. Intestino solto: muitas gestantes nem percebem, mas alguns dias antes de se iniciar o trabalho de parto, o intestino solta para que ele fique limpo para o momento do parto.
  7. Inchaço vaginal: com a aproximação do parto a vagina fica mais inchada. É possível que a mulher perceba isso se tocando e notando um aumento nos pequenos e grandes lábios.
  8. Cólicas: as cólicas podem vim com ou sem o endurecimento da barriga. Muitas vezes elas são como uma cólica menstrual. Se começar a incomodar demais vale a pena investigar para descartar outras coisas, como por exemplo, infecção urinária.

Quis colocar os sinais que não são tão falados ou percebidos, pois conforme vai chegando o fim da gestação vamos ficando ansiosas para tentar descobrir se está próximo do nascimento, né?? Eu que o diga!

Beijos,