Teste do pezinho

11 de set de 2012

Acredito que todo mundo já ouviu falar neste teste, né? Mas você sabe porque ele deve ser feito? Qual sua importância?

” O Teste do Pezinho é um exame laboratorial simples que tem o objetivo de detectar precocemente doenças metabólicas, genéticas e ou infeciosas que poderão causar lesões irreverssíveis no bebê, como por exemplo retardo mental. A maioria das doenças pesquisadas podem ser tratadas com sucesso desde que diagnósticadas antes mesmo de manifestar os primeiros sintomas.” (Teste do Pezinho)

Existem três tipos de testes, que dectam as seguintes doenças:

Básico: fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, anemia falciforme e fibrose cística.

Ampliado: doenças do básico + hiperplasia adrenal congênita, galactosemia, toxoplasmose congênita, deficiência de biotinidase, deficiência de glicose-6-fosfato desidrogenase, sífilis congênita e AIDS.

Plus: doenças do ampliado + rubéola congênita, herpes congênita, doença do citomegalovírus congênita e doenças de chagas congênita.

O teste do pezinho deve ser feito até o 7º dia de vida do bebê, o tipo de teste básico é feito gratuitamente em toda rede pública do país e é obrigatório por lei.

Quando Vítor nasceu, não sabia que tinha o “plus” e fiz o “ampliado”, pois como eu tenho hipotireoidismo fiquei com medo dele ter nascido também. Paguei R$110,00 e fiz na APAE de Bauru.

Agora que você já sabe a importância do teste e quais doenças ele detecta, escolha qual tipo de teste você prefere, mas nunca deixe de realizá-lo.

Beijos,